Deixe de ser egoísta com seu SEO!

Deixe de ser egoísta com seu SEO!

Deixe de ser egoísta com seu SEO!

 A verdade é inescapável: Mais do que o ouro olímpico, todo mundo quer subir no pódio do Google e rankear em primeiro lugar nas palavras-chaves da sua área de atuação, não é verdade? 

Sua empresa quer ser a primeira solução encontrada quando seu público-alvo realiza uma busca e para que isso aconteça de forma orgânica (não paga), a resposta é uma só: Seu site precisa de uma boa estratégia de S.E.O. (Search Engine Optimization ou, Otimização para Motores de Busca).
 
Mas, Vitor, como eu faço isso?
 
Bem, SEO é uma área do Marketing Digital bastante ampla e que engloba diversos fatores e estratégias  - Neste link, você vai encontrar toneladas de conteúdo bastante útil para entender como tornar o seu site uma máquina de indexar conteúdo, por exemplo - mas este post curto, lhe deixará também com um ensinamento valiosíssimo: Não seja egoísta com seu SEO.
 
Eu sei. Você não se sente uma pessoa egoísta e talvez esteja se perguntando agora como alguém pode ser egoísta com uma sigla de Marketing Digital. 
 
A verdade é que é um vício inocente de muitas empresas do mercado, o de tentarem produzir conteúdo em seus sites (a chave de todo bom SEO), pensando apenas em se auto-promover, inserir o máximo de palavras-chave nos textos, fazer pequenos ajustes no código-fonte da página e torcer para que o Google posicione seus sites no topo - como se SEO ainda fosse um macete simples e puramente técnico, baseado em densidade de palavras e ajustes no código do site. 
 
Não seja egoísta. Um bom SEO hoje, deve ser 100% focado em trazer uma experiência de usuário agradável e positiva para o seu visitante. Todos os ajustes técnicos e conteúdo, devem ser pensados priorizando como será essa experiência de acesso. Foque na experiência do usuário e pense no seu visitante. 
 
Aqui estão duas dicas rápidas para você ser menos egoísta e melhorar enormemente o SEO de seu site. 

1. Pesquise e conheça seu público.
Antes mesmo de escrever qualquer linha de conteúdo em seu site, estude e pesquise! Como você quer escrever um conteúdo relevante, se você não sabe o que é relevante para o seu público?
 
Existem diversas ferramentas no mercado que podem lhe ajudar a entender os hábitos de pesquisa de seu público-alvo (como o Google Trends e o Google Keywords Planner). 
 
Pop-Ups em seu site podem também fazer breves pesquisas de opinião aos seus visitantes (as vezes até recompensando o preenchimento com descontos ou materiais ricos), e-mails marketing podem nutrir seu conhecimento acerca da sua base e até mesmo Landing Pages e Redes Sociais podem ser usadas para compreender melhor o seu público-alvo. 
 
Esse tipo de conteúdo pode lhe dar um insight incrível sobre as necessidades de sua clientela, dores e objeções, que serão cruciais para que você defina o conteúdo que será direcionado à eles. Se você acerta no conteúdo, seus visitantes estarão por mais tempo em seu site, clicarão mais, interagirão mais e isso será reconhecido pelo Google, que melhorará o posicionamento de seu site em buscas. 
 
Vale lembrar que esse conhecimento é fundamental para a criação precisa de uma Persona - item chave de toda estratégia de conteúdo. Se você não sabe o que é uma Persona, vale a pena parar 5 minutinhos essa leitura e clicar aqui. Irá lhe ajudar muito!
 
2. Foco na experiência do usuário!
Fazer ajustes no código de seu site é importante, desde que seja focado na experiência de seu visitante. Ter um site claro, que apresenta um conteúdo objetivo e de maneira agradável ao seu visitante, é um ponto importante para mantê-lo em seu site por mais tempo.
 
Convenhamos, por melhor que seja  o seu conteúdo, ninguém vai conseguir ficar muito tempo em seu site, se ele for extremamente mal desenhado, lento e não estiver otimizado para o dispositivo que ele estiver lendo (como um celular). 
 
Recentemente, o Google lançou uma atualização em seus parâmetros de busca, melhorando o posicionamento de sites responsivos em pesquisas, uma vez que reconhece que a experiência do usuário será otimizada em sites com este recurso. 
 
Se o seu site ainda não é responsivo (ou você nem sabe do que se trata), você precisa clicar aqui e ler este post. 
Sites lentos também tem um peso importante no SEO, rankeando de forma prejudicada no Google, uma vez que são considerados desconfortáveis para a experiência do usuário. Sites mal codificados também atrapalham a acessibilidade de muitos usuários (a exemplo de sites que não se preocupam com visitantes com deficiências visuais), sendo punidos no posicionamento do Google. 

Conclusão

Concluindo. Se seu site não está extremamente preocupado e otimizado para a experiência de seu usuário, você está sendo egoísta em sua estratégia de SEO. O Google sabe disso e está levando em consideração, quando posiciona o mesmo em buscas por palavras-chave.
Lembre-se sempre: Você produz conteúdo para seus visitantes, não para a sua empresa. 
Esse tipo de conhecimento não apenas lhe trará uma estratégia SEO mais qualificada, como irá melhorar em muito a sua imagem no mercado, seu relacionamento com o cliente e seus resultados de vendas!
 
 

Você sabia que a Sigu pode ajudar a sua empresa a ter mais e melhores resultados com a internet?

Solicite uma proposta



Autor:

Atua na área de Design, voltada para publicidade e marketing desde 2005, tendo seu foco voltado nos 6 últimos anos para a área de Internet, Websites e mídias sociais. Sócio e Diretor de Criação e Mídias Sociais da Sigu Marketing Digital, desenvolvendo interfaces gráficas e estratégias de comunicação integradas para internet e gestão de redes sociais. 

Comentários: